O QUE É TEU, É MEU

Sejamos sinceras: há sempre um segundo interesse quando compramos roupa para o nosso mais-que-tudo. Esse interesse é o nosso.

Queremos que ele pareça bem, que nos orgulhe. Queremos que a extensão do nosso braço esteja tão bem como nós, que atinja o seu melhor. Mas não é só. Queremos roubar-lhe as camisolas nos dias de mais frio, queremos o conforto das suas calças largas quando o conceito “boyfriend jeans” atinge o seu auge mais literal, queremos desfilar pela manhã só com a camisa sobre a pele. É por isso que vamos à Mango – porque não há barreiras de género no que fica bem no nosso corpo.

__________

Let’s be honest : there is always a second interest when we buy clothes for our more-than-everything. That interest is ours.

We want him to look good , to make us proud. We want the extension of our arm too look as good as us, we want him to be at his best. But not only. We want to steal the sweaters in the cold days, we want the comfort of their baggy pants when the concept ” boyfriend jeans ” is at its most literal peak, we want to parade in the morning with only his shirt on our skin. That’s why we go to Mango – because there is no gender barriers in what is right in our body.

Share on Facebook0Tweet about this on TwitterShare on Google+0Pin on Pinterest0Share on Reddit0Share on Tumblr0