FASHION WEEK STYLE

A essência do que era o “street style” perdeu-se. Ou melhor, transformou-se. Porque em vez de Bill Cunningham ou Scott Schulman se curvarem, discretos, para captar “o tal” momento, uma colmeia de fotógrafos ruidosos reune-se, agora, à porta dos desfiles mais mediáticos de cada semana de moda.

Para quê? Imortalizar em imagem quem se veste especialmente para a câmera. Perdeu-se a espontaneidade, mas alimenta-se uma indústria eficaz de marketing, que ganha mais em vender roupa através de it-girls do que através de passerelles.

É um movimento cíclico, que dinamiza a Moda e injeta correria naquelas semanas que, já por si, são autênticas guerras de protagonismo. Mudam-se os tempos, mudam-se as vontades. Fica o estilo.

VM

Share on Facebook0Tweet about this on TwitterShare on Google+1Pin on Pinterest0Share on Reddit0Share on Tumblr0